Nosso Blog

Veja outros Posts

Como driblar o medo de falar em público?

Como driblar o medo de falar em público?

5 PASSOS para driblar o medo de falar em público

 

Eu confesso para você que sempre fui muito corajosa. Na escola não tinha vergonha de me expor, ia apresentar os trabalhos e se eu cometesse algum erro, logo corrigia, defendia a ideia que me levou aquele raciocínio e seguia em frente. Nada demais!

O que me encomodava eram as minha amigas que ficavam APAVORADAS quando eram obrigadas a fazer uma apresentação. O medo era tão grande que muitas vezes até faltavam de aula ou faziam alguma coisa para não se apresentar.

Com o passa dos anos percebi que esse medo era mais comum do que eu imaginava. Uma pesquisa recente revela que o medo de falar em público supera o medo da morte, publicado pelo jornal americano “Sunday Times”. Mas porque tantas pessoas são incapazes de se colocarem na frente de um determinado grupo de pessoas e simplesmente falar?

Depois de ler sobre o assunto constatei que o medo de falar em público está relacionado com o medo da crítica, de se expor a uma situação vergonhosa. O que acontece nessa situação?  A pessoa “trava”, não consegue se mexer ou abrir a boca, as pernas tremem e as mãos ficam frias, o corpo sua como se estivesse em uma maratona olímpica. Você já vivenciou essa situação? Sim? Não se preocupe você não está sozinho. Se você quer superar essa situação, confira aqui (5) cinco dicas para driblar o medo de falar em público.

 

1 – Acredite em você

Se você não acredita em você, quem vai acreditar? Você pode até responder minha mãe acredita em mim, mas isso é porque sua mãe quer o seu bem e quer que você tenha força e acredite em si mesmo. Esse é o primeiro passo para desbravar o medo de falar em público. Confiança em si mesmo! Independente de qual posição social ocupa ou de que “tribo” é, todos somos seres humanos. O que diferencia e contagia as pessoas é a sua confiança. A sua autoestima e a sua postura impacta mais do que belas palavras. Se você conquistou o direito de falar, fale com confiança mostrando que é capaz.

 

2 – Tenha medo, mas vá em frente

Segundo Jamil Albuquerque, no Livro A Lei do Triunfo para o Século 21, diz que “A coragem não é a ausência do medo. Coragem é enfrentar o medo. Com base nisso não existe coragem sem medo”. Para conseguir falar em público, vai surgir sem dúvida o medo do ridículo, é ele que nos impede de fazer o que tem que ser feito. E, aonde devemos encontrar forças para ultrapassar esse medo limitante? Na CORAGEM, é ela que nos faz ir pra cima desse enorme leão que nos apavora e é com ela que enfrentamos e ganhamos a batalha. Nesse caso sabemos quem é o vendedor, você. Não importa se brilhou ou não na apresentação, o importante é saber que enfrentou você mesmo e saiu vitorioso.

 

3 – Errou, perdoe-se

                Sabe como crescemos? Quando erramos. É engraçado que os acertos quase nunca são lembrados e se cometemos um único erro, este é lembrado por toda a eternidade. Sabe por que lembramos o erro? Por que doí!  Quando deixa ferida, provavelmente, não cometeremos esse erro novamente para não sentir aquela dor... é ai que crescemos. A experiência de vida, nada mais é do que vivenciar situações de erros e acertos que te molda para ser uma pessoa melhor. Quanto mais erramos, menos estamos sujeitos a errar de novo, assim estamos sendo lapidados. Errar não é fazer algo errado de caso pensado, é não ter a noção anterior de que era melhor fazer de outra maneira. Para aprender, não necessariamente temos que errar, dá para aprender com erros dos outros. Seguir aquele que já experienciou, por vezes errou e conseguiu achar o caminho certo, é como utilizar um atalho, assim que se elaboram os treinamentos e as metodologias.

                Os treinamentos são feitos para aprender o caminho já percorrido. Ali é o local para errar. É como atravessar a correnteza de um rio e alguém constroir uma ponte para alcançar o outro lado mais facilmente. E faz você vivenciar a travessia passo-a-passo para que ouça, veja, sinta e perceba o caminho da sua jornada de forma melhorada.

 

4 – Antes de subir no palco

                O famoso escritor e palestrante motivacional Anthony Robbins antes de subir ao palco segue rotinas padrões. Realiza um aquecimento pré-apresentação que é transformado em energia e essa é transmita ao público. Isso deve ser feito em qualquer tipo de apresentação.

E como faço isso? Primeiro, aqueça-se fisicamente, alonga-se e movimente-se para aumentar a serotonina e adrenalina no corpo. Depois o aqueça-se mentalmente, diga em voz alta palavras ou frases de incentivo. Tenha também palavras de direção, como coragem, vitória, garra, força para impulsionar você. E, na sequência, estabilize a respiração, respire e inspire, pausadamente e calmamente. Agora, certifique-se, pela última vez, que os equipamentos estão funcionando e que sua aparência (roupa, rosto, cabelo, sapato) está de acordo. Essa checagem final evita que toda sua preparação seja em vão.

 

5 – Seja ousado

                A ousadia te leva a lugares que nem imagina. Foi assim, quando um português enfrentou com sua ousadia, monstros e tempestades de um mar tenebroso e mudou a história da humanidade. E qual é o seu mar tenebroso? É a plateia? É o palco? É exatamente esse mar que limita a sua visão e a sua coragem. O medo do julgamento dos outros e de não conseguir êxito apaga toda a ousadia.

                Se não for ousado, como saberá como é o lado de lá! Como sentirá o sabor da vitória? Sinto muito, nunca saberá. Ou no máximo, verá outra pessoa conquistar o espaço que é seu. Vale a pena ser ousado! Vale a pena enfrentar os medos, ir à frente e dizer o que pensa. Você só saberá se fizer. Então faça!

                A vida é uma busca do nosso melhor. Não busque ser melhor que alguém, busque o seu melhor e você irá se surpreender. Essa procura é constante e interminável e o sentimento em navegar nesse mar é a felicidade do “eu sou capaz”.

 

Conheça o ComuniQ - Oratória e Persuasão - nível Iniciante e Avançado - treinamento preparatório para falar bem em público.

 

Erika Campos

Instrutora Master Mind

Gestora Comercial e Marketing. Instrutora dos treinamentos de Alta Performance MasterMind. Formada em Gestão Comercial e Marketing. Publicidade e Propaganda. Pós-graduanda em Marketing Digital. Pós-graduanda MBA Liderança, Inovação e Gestão 3.0.

Deixe seu Comentário

Receber Novidades

O Grupo MASTER MIND é uma das principais escolas de desenvolvimento de líderes do Brasil e é a única empresa brasileira certificada pela The Napoleon Hill World Foundation - Purdue University Calumet - Hamont, Indiana/USA.

Categorias

Você também pode se interessar

© MasterMind

by nerit